menu
São Paulo - SP | Whatsapp:
Evandro Jr.
São Paulo - SP
POLÍTICA
POLÍTICA
POLÍTICA
POLÍTICA
Postada em 20/07/2016 ás 21h34 - atualizada em 20/07/2016 ás 22h04
Temer sanciona sem vetos reajuste de 41,5% para servidores do Judiciário
Reajuste será pago em 8 parcelas e custará R$ 1,7 bilhão aos cofres públicos somente neste ano

O presidente interino, Michel Temer, sancionou nesta quarta-feira (20), sem vetos, o reajuste salarial para os servidores do Judiciário e do MPF (Ministério Público Federal), incluindo os ministros do STF (Supremo Tribunal Federal).



As propostas foram aprovadas no fim do mês passado pelo Senado Federal, e determinam reajuste de 41% dividido em oito parcelas aos servidores do Judiciário e de 12% aos funcionários do MPF. As duas leis serão publicadas na edição desta quinta-feira (21) do Diário Oficial da União.



O reajuste para os servidores do Judiciário custará aos cofres públicos R$ 1,7 bilhão somente neste ano. Os aumentos serão pagos gradativamente em parcelas até 2019, e, no ano que vem, vão gerar impacto de mais de R$ 5 bilhões.



Além do vencimento básico, as medidas preveem aumentos na gratificação judiciária e dos cargos em comissão. À época da aprovação, o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, disse que os reajustes não teriam impacto negativo nas contas do governo.


leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
mais lidas do mês
Enquete
Qual sistema operacional para Smartphone você mais gosta?

android
113 votos - 46.5%

ios (iphone)
100 votos - 41.2%

windons
30 votos - 12.3%

facebook
twitter
© Copyright 2017 :: Todos os direitos reservados